sábado, 15 de janeiro de 2011

SOS!!!

O Rainhas fez sua parte divulgando as várias formas de ajudar o Rio de Janeiro, agora o Cozinha também faz a sua...Estamos passando por um momento muito triste com essa loucura que esta acontecendo, muitas famílias desabrigadas e pessoas que perderem tudo, esse é um momento de união! 

Saiba como ajudar os desabrigados da chuva na Região Serrana do Rio

Postos rodoviários, supermercados e abrigos estão recebendo donativos para ajudar as vítimas da chuva na Região Serrana do Rio. Os desabrigados e desalojados precisam de doações de água potável, alimentos, roupas, cobertores, colchonetes e itens de higiene pessoal, como sabonete, pasta de dente e fralda descartável.

Para doar sangue
O HemoRio montou um esquema especial de atendimento. Para doar é preciso estar bem de saúde, ter entre 18 e 65 anos e pesar mais de 50 kg. Não é necessário estar em jejum. A única recomendação é evitar alimentos gordurosos antes da coleta. Interessados devem se apresentar com um documento de identidade. Quem preferir, pode agendar um horário para fazer a doação no telefone 0800 282-0708. O HemoRio fica na Rua Frei Caneca 8, no Centro, e funciona de segunda a domingo, das 7h às 18h.

Contas para doações em dinheiro
A Prefeitura de Teresópolis disponibilizou uma conta corrente no Banco do Brasil para receber doações e ajudar as famílias atingidas pelo temporal. Com o nome “SOS Teresópolis – Donativos”, a conta corrente é número 110000-9, na Agência 0741-2. Há também a conta 2011-1, Agência 4146, da Caixa Econômica Federal. O CNPJ da Prefeitura é número 29.138.369/0001-47. Outras contas:

Prefeitura de Nova Friburgo
Banco: Banco do Brasil
Agência: 0335-2
Conta: 120.000-3

Defesa Civil – RJ
Banco: Caixa Econômica Federal
Agência: 0199
Operação: 006
Conta: 2011-0

Fundo Estadual de Assistência Social do Estado do Rio de Janeiro
CNPJ 02932524/0001-46
Banco: Itaú
Agência: 5673
Conta: 00594-7

Campanha SOS Sudeste (CNBB e Cáritas Brasileira)
Banco: Caixa Econômica Federal
Agência: 1041
Operação: 003
Conta: 1490-8

ou

Banco: Banco do Brasil
Agência: 3475-4
Conta: 32.000-5

Veja como ser voluntário na ajuda às vítimas da chuva na Região Serrana

A tragédia das chuvas na Região Serrana do Rio de Janeiro já deixou mais de 500 mortos e milhares de desabrigados em cinco cidades. Algumas prefeituras divulgaram locais onde a pessoa que quiser ser voluntário na ajuda às vítimas da chuva poderá se cadastrar.

Nova Friburgo

A Prefeitura de Nova Friburgo informa que as pessoas interessadas em trabalhar como voluntárias podem se cadastrar na sede da Secretaria de Assistência Social, que funciona na Rua Augusto Spinelli, 160, Centro - Nova Friburgo.

Teresópolis

A Prefeitura de Teresópolis informa que as pessoas interessadas em trabalhar como voluntárias podem se cadastrar na sede da Defesa Civil, e não mais no Ginásio Pedrão. A Defesa Civil funciona na Rua Júlio Rosa, 444, na Tijuca. O telefone é o (21) 2742-7025 begin_of_the_skype_highlighting              (21) 2742-7025      end_of_the_skype_highlighting

Sumidouro

Quem quiser ser voluntário em Sumidouro pode se cadastrar na Rua Alfredo Chaves, número 39, no Centro, ou ligar para (22) 2531-1128

Ministério da Saúde abre cadastro para voluntários

O Ministério da Saúde abriu nesta sexta-feira em sua página na internet um cadastramento de profissionais de saúde voluntários para o atendimento às vítimas das enchentes na Região Serrana. Em três horas, foram 131 cadastros por meio do formulário na internet. Os registros serão selecionados e colocados à disposição da Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, que avaliará como será utilizada essa ajuda.

SP recebe doações para vítimas da chuva no Rio; saiba como ajudar

Os paulistas que quiserem ajudar as vítimas da chuva na Região Serrana do Rio podem procurar postos da Polícia Militar, shoppings e a Cruz Vermelha em São Paulo. Os desabrigados e desalojados precisam de doações de água potável, alimentos, roupas, cobertores, colchonetes e itens de higiene pessoal, como sabonete, pasta de dente e fralda descartável.

Postos de coleta

Todos os batalhões da PM na capital paulista e no interior do estado recebem alimentos não perecíveis, roupas, lençóis, cobertores, colchões, colchonetes, materiais de limpeza e higiene, água potável e remédios.

Transportadoras que quiserem ajudar levando os produtos arrecadados podem entrar em contato com o Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo, pelo telefone (11) 3862-6260

Nenhum comentário:

Postar um comentário